fotoefeitos.com

Objetivando capacitar e qualificar profissionalmente e buscando cumprir de forma efetiva com o caráter pedagógico da medida socioeducativa de internação, bem como no intuito de proporcionar oportunidades potenciais de inserção no mercado de trabalho formal para adolescentes do Centro de Atendimento Socioeducativo de São Miguel do Oeste, a Equipe Multiprofissional juntamente com a Direção da unidade empenhou-se em mais um ano firmar parceria com a empresa CEPED (Centro Profissional de Educação à Distância), que se encontra situada no município de São Miguel do Oeste, para a realização de cursos profissionalizantes 100% online e gratuito.

O curso Segurança do Trabalho foi realizado nos meses de janeiro e fevereiro do corrente ano, dando continuidade à parceria já estabelecida no ano de 2020. As aulas aconteceram nos períodos matutino e vespertino conforme cronograma estabelecido, aproveitando-se o período de recesso escolar. O setor de pedagogia da unidade teve papel fundamental, sendo responsável pela supervisão, acompanhamento e orientação, contando sempre com o apoio e suporte dos Agentes Socioeducativos da Unidade.

A empresa forneceu todo material didático necessário, disponibilizando ainda a entrega de Certificado ao final do curso.

WhatsApp Image 2022 03 07 at 17.28.44 copy copy

Na data de hoje, 07/03/2022, o CASE de Itajaí, recebeu 5 aparelhos de ar condicionado (12.000 BTUs), que serão instalados em áreas administrativas e salas de aulas e, ainda, uma máquina de lavar roupas (16kg).

A aquisição dos equipamentos se deu através de verbas destinadas pela Vara de Execuções Penais de Itajaí/SC, através de projeto formulado pela própria unidade, por intermédio do Conselho da Comunidade de Itajaí.

       governador conhece prototipos de novos uniformes femininos para as forcas de seguranca 20220304 1289242577

O governador Carlos Moisés conheceu na tarde desta sexta-feira, 4, os protótipos dos novos modelos de uniformes femininos para as forças de segurança de Santa Catarina. Foram apresentados os materiais para uso das mulheres Agentes de Segurança Socioeducativas, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Científica e Polícia Penal. A partir de agora, os uniformes passarão por testes operacionais antes de serem distribuídos ao efetivo.

“As mulheres são profissionais da Segurança Pública e elas nunca tiveram esse olhar diferenciado Nós pedimos que as peças fossem adaptadas ao corpo feminino. Foram 145 peças analisadas e 57 remodeladas. Também tivemos 25 peças que foram criadas, em um processo de inovação. Houve uma comissão específica para trabalhar com essa finalidade. Recebi essa devolutiva hoje e confesso que estava bastante ansioso com essa encomenda que havíamos feito ao Colegiado Superior. Tenho certeza que, com essa condição de conforto, as nossas forças de segurança continuarão a fazer de Santa Catarina o estado mais seguro do Brasil”, diz o governador.

A comissão criada para a criação dos uniformes teve participação apenas de mulheres de todos os ramos da Segurança Pública. Ela foi presidida pela capitão Juciane da Cruz May, do Corpo de Bombeiros Militar (CBMSC). Segundo ela, a comissão foi criada a pedido do governador em março do ano passado.

“Nós começamos a dialogar entre as nossas instituições e apresentar as necessidades, assim como o que já existia. Em um ano, conseguimos apresentar os nossos protótipos ao governador. E o trabalho não se encerra agora. Agora temos todos os testes. O que não for aprovado nós faremos as alterações necessárias. Estamos buscando atingir todo o nosso público feminino e também o masculino, pois algumas mudanças também servirão para todas as modelagens”, afirma May.

A delegada Ester Coelho representou a Polícia Civil na comissão. Ela diz que a análise foi feita em cima dos uniformes já existentes. Dez deles foram agora adaptados exclusivamente para o público feminino. “Na época da criação, foi pensado apenas nos homens. Agora, com o suporte do governador, nós conseguimos fazer essa revisão. Após isso, nós faremos a licitação para fazer as compras”, explica ela.

O presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública, perito-geral Giovani Eduardo Adriano, revela que a confecção dos uniformes femininos foi uma encomenda direta do governador Carlos Moisés, que agora está prestes a se concretizar. “É preciso reconhecer a sensibilidade do governador em relação a essa antiga demanda das agentes de segurança pública. Uma reivindicação legítima e necessária, que vai garantir condições apropriadas ao desempenho das atividades diárias”, destaca.

DEASE - Departamento de Administração Socioeducativa

Rua Fúlvio Aducci, 1214 – 2º Andar – Estreito
Florianópolis - SC - CEP 88.075-000 - Fone: (48) 3664-5800
Horário de Atendimento: 12h às 19h
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com